Aracy Balabanian

por Tania Carvalho

Consagrada como grande atriz já ao se formar na EAD (a Escola de Arte Dramática da USP), Aracy Balabanian confirmou a promessa numa longa e bem-sucedida carreira no teatro e na televisão, com mais de 40 anos de sucessos. Principalmente em telenovelas (como as antológicas A Fábrica, Nino, o Italianinho e Antonio Maria, na TV Tupi) e lendários programas infantis (quem esquece da Vila Sésamo, na TV Cultura?).


Um êxito que prossegue depois de sua associação com a Rede Globo, onde teve participações memoráveis em novelas como O Casarão, Locomotivas e Rainha da Sucata, entre tantas outras, e também em programas humorísticos como o Sai de Baixo.


Neste livro, escrito pela jornalista Tania Carvalho, Aracy conta sua vida e sua carreira com implacável franqueza, sem medo de resolver dúvidas e acertar contas. É um livro-depoimento sincero e impressionante, que faz jus à carreira dessa extraordinária atriz, e é parte da Coleção Aplauso, da Imprensa Oficial do Estado, dentro de sua proposta de resgate da memória de nossa arte e cultura.




Leia!

o livro na íntegra

clique

Baixe!

o livro nos formatos:

PDF

txt

  • 08-01-14 - Rosana Vendemiatti

    Nossa!Acho que à conheço dez de que nasci....praticamente! Eu ainda era um bebe e já ouvia meu pai falar dela, pois eles tem a mesma idade, meu pai é um ano mais novo que a minha linda Aracy!Se eu pudesse abraça-la um dia e dizer muito obrigado , por me fazer rir e chorar com ela muitas vezes! Ela é meu exemplo de mulher e como ser humano teve seus altos e baixos, mas sempre foi digna de respeito.\"Minha linda amo-te!Oro sempre por você, sempre...\"<3Adorei seu livro!Em algumas partes ri muito em outras chorei muito confesso....a vida continua, mas não gosto de pensar nela sem meu exemplo: \"Aracy Balabanian!\"

  • 07-09-11 - Cristiane Vaqueiro

    Sobre a atriz tenho muito a falar,desde a infância,ela vive conosco,ou seja nas nossas telinhas,e quando era criança meu pai levava nós para a rede Tupi para ver os artístas saírem,era tão legal,um segredo vou contar a vocês,fui convidadad para fazer o filme O Beijo da mulher aranha,com Hector Babenco,mas minha mãe não deixou,e tinha direiro a acompanhante,mas como ela é evangélica,achou ruim eu ir,que pena,ia faze uma ponta ,e era ir com o uniforme da Escola que eu estava estudando,ou seja fazer ponta de estudante,não sou boa em decorar texto,este que é o problema ,se tivesse cabeça para isto,eu embarcava nesta, desde pequena meu pai comprou um super 8 ,na ocasião e ficava filmando a filhinha,sempre gostei de câmera, fui criada assim,mas não deu,esqueci,conheço a prima da Aracy da praia o filho da prima ,chamava-se Robertinho,fui num aniversário na casa deles,faz anos,tinhas uns 10 anos,mais ou menos,que saudades desta época,uma grande atriz,parece que ela está vivendo ,não é artista como aqueles de teatro,que você ve o decoréba,ficam estagnados estranhos na hora de atuar,ela não,é simples a fala flui normalmente,é uma graça,o sorriso com aquelas covinhas,uma abraço a ela,e parabéns,que tudo que faz ,faz bem.

  • 06-01-11 - Thais Machado

    Essa mulher é eeeeexpetacular. Beijooosss a ela eternamente. Um dia gostaria de conhecê-la.